fbpx

Oi meninas mamães, tudo bem? Vocês acreditam numa economia mais colaborativa e num consumo mais consciente? Eu acredito. Por isso, resolvi contar como montei um quarto infantil lindo em Paris com 120 euros! Como vocês sabem, eu tenho um menino de dois anos, o João Marcelo. Nos mudamos há poucos meses para a França, e foi preciso comprar tudo novamente para ele. Eu já gostava muito da linha Mammut, da Ikea, uma rede de móveis e tudo para o lar escandinava muito popular na Europa toda. São móveis concebidos pensando na segurança da criança, e a partir da perspectiva dos pequenos. Têm quinas arredondadas, não são muito altos e o material oferece pouco risco de acidentes. Só que na loja, com os itens que eu queria, ficaria entre 700 e 800 euros! E muitos dos itens não se encontravam mais disponíveis. Mas, eu estava muito apaixonada para abrir mão. O jeito foi considerar as alternativas. E eis que achei um site popular aqui chamado Le Bon Coin (www.leboncoin.fr), um lugar onde todo mundo vende de tudo. De bolsa de grife a panelas, acha-se qualquer coisa.

Me muni de tempo e paciência para procurar em sites de desapego, enviar emails, SMS e aguardar respostas. Achei uma pessoa que estava vendendo a linha quase novinha por um preço incrível. Mas era longe demais e, infelizmente, tive de desistir.

IMG_0565

Dias depois, quando já estava quase partindo pra outra, vi um anúncio que propunha a cama, o estrado, o colchão, criado-mudo, guarda-roupa, mesa e cadeira por 150 euros!! E pertinho do nosso futuro endereço. Olhei as fotos e tudo estava em ótimo estado, perfeito mesmo. Escrevi na hora propondo comprar por 120 euros (sim, eu pechincho muito!) e retirar em poucos dias. O vendedor aceitou e buscamos a linha um dia antes de nos mudarmos para o novo apartamento.

Ai gente, é a coisa mais fofa, como podem ver nas fotos. Tudo em excelente estado. Fizemos um ótimo negócio! E a cama ainda veio com uma folha que fica tipo um céu por cima da criança. A resolução das fotos não é boa, pois foram tiradas com um iPad antigão, mas tá valendo.

Acho muito bacana quando o desapego de uma pessoa representa a alegria de outra. Não tenho o menor problema com isso. Existem coisas ótimas de segunda mão vendidas por menos da metade do preço. Só precisa de paciência para procurar. Pra mim, sustentabilidade também é isso. E, ao dar nova vida a um produto útil, a gente cria um consumo mais coerente. Não perdemos nada em ter comprado uma linha usada, pelo contrário. Economizamos dindin e meu filho ganhou um quarto lindo por uma pechincha.

IMG_0560

E daqui um tempo, quando ele estiver maior e se os móveis estiverem em bom estado, venderei para outra família, a um preço bem acessível. Assim, outra criança vai poder ter um quarto fofo gastando pouco. Adoro isso aqui na França. Tem feira de brinquedos usados com coisas muito baratinhas ou de graça. E nessas feiras as famílias trocam brinquedos entre si, roupinhas, calçados, livros e itens infantis do dia a dia. Não entendo porque jogar fora algo que funciona perfeitamente, ao invés de passar pra frente. Tem, inclusive, sites de doação de tudo o que você imaginar.

Dicas para comprar itens usados online:

–> Comece perguntando sobre o motivo da venda (mudança, adquiriu um novo etc.)
–> Pergunte a data de compra do objeto (quanto mais antigo, mais a aparência muda)
–> No caso de eletrodomésticos ou eletrônicos, pergunte se o produto já deu problema e se já precisou ser reparado.
–> Pergunte sobre o aspecto físico para não ter surpresas: tem marcas externas? falta alguma peça, pegador? A pintura está em dia? Em caso de pintura descascando e riscos, você já pode pedir um desconto.
–> Faça uma proposta baseada nas respostas aos itens acima, dentro do bom senso, claro!
–> E esteja preparado para ir buscar o item. Os vendedores dão preferência a quem retira em poucos dias, e a quem está com pressa para comprar.

Economia local e colaborativa. Troca de objetos entre famílias. Feiras comunitárias de compra e venda de itens infantis usados. Uma idéia que, espero, cresça e se espalhe pelo Brasil.

beijos

0

SOBRE PL

O Passaporte voltou, sempre interagindo com seus seguidores, com dicas e informações do mundo da moda, beleza, turismo, entretenimento com um olhar de quem vive buscando o inusitado!

Desenvolvido por Digital Helper
Copyright © 2020 Passaporte do Luxo.Todos os direitos reservados.